Mari e Joca

SEJA BEM VINDO AO NOSSO SITE
Mari e Joca

Dicas - Como aproveitar melhor o paraíso

Dicas quentes, truques e paranauês para você conhecer o paraíso..

  • Imagem do Local

Dicas Práticas:

- Bagagem: A bagagem para viajar para Morro de São Paulo é bastante simples. O clima na ilha é descontraído, e bastante quente. Desta forma, roupas leves, chapéu, chinelos é a melhor opção.

- Clima: O clima é quente e úmido e a média anual de temperaturas está na casa dos 24°C. 

- Voltagem: Outra informação que sempre é útil é que a energia em Morro de São Paulo são 220 V, portanto informe-se qual a voltagem de seus aparelhos ou se os mesmos são bi voltes.

- Comércios: Na vila existe o comercio em geral, restaurantes,pousadas, lojinhas, mercados, farmácia, posto policial, posto de saúde com ambulância e ambulancha para dar suporte a qualquer eventualidade que aconteça tanto com turistas como moradores.

- Dinheiro: Em Morro de São Paulo não existem bancos com atendimento, apenas um caixa eletrônico do Banco do Brasil e outro do Bradesco. Todos localizados na vila. O valor máximo por dia para saque é R$ 1000,00.  Mesmo assim caso você fique sem dinheiro vale saber que na vila existe um restaurante onde você poderá sacar através do cartão de crédito, porém eles cobrar 10% pelo serviço prestado.

- Para os surfistas: Se você quer carregar consigo sua prancha de surf, é bom informar-se na companhia de seu vôo, pois você terá que pagar taxa entre R$ 100,00.

 

Dicas de restaurantes: 
 

Chez Max: O dono (um italiano da gema), faz a pizza a la italiana, massa fina e crocante, ingredientes de boa qualidade e preço que cabe no bolso! 

Santa Villa: Três paulistanas apaixonadas por gastronomia, levaram para o morro a alta gastronomia paulistada com uma pitadinha do tempero baiano.

Pousada O Casarão: Com um lugar privilegiado no meio do centro de morro, esse casarão histórico abrigou até  D. Pedro II e a Marquesa de Santos. Comida gostosa e história no mesmo lugar.

Pastel do Fom + Capirininha do Joe: Essa combinação é a cara do Morro, nada mais prazeroso que em um final de tarde curtir a uma musiquinha do Fom com uma boa caipirinha de frutas nordestinas.

 

Onde assistir o pôr do sol:


Para quem viaja para Morro, assistir o espetáculo cor de rosa que toma conta do céu é obrigatório, por isso seguem aqui as dicas dos melhores lugares.

Pousada passargada: Lugar privilegiado, café da tarde delicioso (indicado para pessoas mais velhas, que não podem caminhar muito). Dica: pão de queijo quentinho e crocante.

Forte: Forte construído em 1746, abriga uma vista privilegiada do por do sol, e para os sortudos é possível observar golfinhos e baleias Jubarte abrilhantando o espetáculo (indicado para os aventureiros).

Toca do Morcego: Um lounge com musica e esteiras no chão, tem um clima meio verão Grego (indicado para os baladeiros e pegadores). 

 

Night:

Lá tem alguns bons lugares, mas deixa isso com a gente...:)

 

Passeios:


Em morro há programas perfeitos para todas as idades. Casais com crianças pequenas podem desfrutar da tranquilidade das praias calmas. E a galera solteira podem curtir as praias e baladas cheias de gringos e nativos.

- Observação de Baleias Jubarte: Desfrute do espetáculo que a Baleia Jubarte propícia no mar de Morro de São Paulo dos meses de julho a setembro em frente ao forte.

- Volta á ilha - Tinharé e Boipeba: Uma experiência inesquecível. Apreciar das praias mais bonitas da região, mergulhar nas piscinas naturais, visitar Boipeba e conhecer a história de Cairú com a Segunda Igreja mais antiga do Brasil.

- Praia de Garapuá: Praia linda, sem pedras, possibilitando o banho a qualquer hora.
O lugar possui ecossistema privilegiado e tranquilidade necessária para favorecer aqueles que desejam usufruir o paraíso.

- City Tour Histórico: Visita os locais que mostram a história da Vila de Morro de São Paulo, como a Igreja de Nossa Senhora da Luz, Fonte Grande, passando pelo Casarão onde D. Pedro II se hospedou no século XVII, hojepousada. O Farol, cuja trilha é recoberta pela mata, e o mirante do Farol, de onde tem a vista mais bela das praias de Morro de São Paulo. 

Descendo para o antigo Forte, onde, de suas muralhas ver o espetáculo fascinante do Pôr do Sol.

Para qualquer reserva de qualquer passeio acima, indicamos nossos queridos amigos e parceiros Taí e Déia (donos da agencia de turismo Ita) (75) 99131-6037.

 

Esportes:


Mergulho: As águas calmas e cristalinas das praias de Morro de São Paulo oferecem condições ideais para a prática do mergulho amador, suas piscinas naturais são rasas e super seguras para crianças. Já Para os aventureiros amantes de mergulhos de cilindro e noturno em Morro de São Paulo existem basicamente duas empresas de mergulho: uma situada na Primeira Praia e outra, na Terceira Praia.

Futevôlei: Para jogar futevôlei em Morro de São Paulo, é só comparecer na Segunda Praia, onde há uma quadra (em frente ao Funny). Vários moradores são adeptos deste esporte e promovem regularmente campeonatos em Morro de São Paulo, com a participação de atletas da  seleção brasileira de futebol e campo.

KiteSurf: Em Morro de São Paulo os pontos mais propícios para a prática do kitesurf são a Quarta Praia, devido possuir uma piscina natural com uma boa profundidade (um metro e meio) o que dá mais segurança ao atleta e ainda a praia da Ponta do Curral, com suas águas tranqüilas. Normalmente há em Morro de São Paulo uma pessoa que aluga equipamentos de kitesurf.

Surf: Quem acha que em Morro de São Paulo não existe ondas, está enganado. Quando você estiver na Primeira Praia você vai notar que existe um aglomerado ou conforme dizem os próprios surfistas, uma “crowde”.  O melhor período para surfar na ilha é entre os meses de junho e setembro com a presença do vento leste. No verão, como não tem este vento as ondas não são constantes. E a maré mais indicada é a alta, já que o mar de Morro de São Paulo apresenta muitos corais no fundo.


Um pouco do paraíso..

Descoberto pelo navegador português Martin Afonso de Souza em 1531, Morro de São Paulo teve parte na história da colonização do Brasil.  Quase 500 anos depois foi a vez dos mochileiros e hippies que vieram desfrutar deste paraíso. Foram estes quem divulgaram Morro de São Paulo para o Brasil e o resto do mundo, trazendo inúmeros visitantes encantados pela beleza e o sossego do local. Esta mistura de raças e culturas dos estrangeiros se misturaram com a cultura local dando a Morro de São Paulo uma característica única de um lugar que parece pertencer ao mundo.
A ilha não tem conexão com o continente, e até hoje não existem carros, exceto para poucas pousadas. As praias são em ordem, a Primeira Praia mais freqüentada pelos nativos, a Segunda Praia que garante o agito durante o dia e a noite, a Terceira Praia com todos os tipos de hotéis, menos agitada, mas com fácil acesso ao centro, a Quarta Praia que é a maior, porém muito pouco freqüentada com águas claras e mornas e a última, a Quinta Praia de Morro de São Paulo, mais isolada e semi deserta.